terça-feira, 4 de junho de 2013

Não é o PT que precisa de óleo de peroba

O senador Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE), dissidente em seu partido - ele e companheiros autodenominam-se da "ala independente" do PMDB - ocupou a tribuna do Senado nesta 2ª feira (ontem) para aconselhar o PT a criar a "Bolsa Óleo de Peroba" pelo que ele considera mentiras do governo no episódio da liberação de recursos do Bolsa Família. Vocês ainda se lembram, boatos sobre o falso fim do programa provocaram uma onda de saques há três semanas por beneficiários do programa que hoje contempla 13,8 milhões de famílias brasileiras.

O PT e o governo sustentam que a ação pode ser  obra orquestrada. Eu sei, esta é matéria vencida, já prestados todos os esclarecimentos, só falta agora a conclusão do inquérito instaurado na Polícia Federal (PF). Mas o senador Jarbas ocupou a tribuna do Senado Federal para tratar disso."O PT deveria criar o Bolsa Óleo de Peroba e distribuir entre seus líderes e integrantes do governo, tamanha é a cara de pau e a irresponsabilidade que têm marcado todo os personagens envolvidos nesse escândalo do boato sobre o Bolsa Família", aconselhou Jarbas.

Ele comparou a tentativa de atribuir os boatos à oposição a políticas de presidentes populistas e autoritários que "se valem da pobreza da população para continuar seu reinado de manipulações, como na Venezuela e na Argentina". Ou seja, foi governo progressista e minimamente à esquerda, Jarbas está contra... O senador disse ser impossível acreditar na versão do Palácio do Planalto de que não sabia da antecipação dos pagamentos do Bolsa.

Oposição é que em campanha sempre ameaça acabar o Bolsa

Image
Jarbas Vasconcelos
Ora, quem precisa de óleo de peroba é o senador. Que cara de pau tentar manter em evidência um assunto, um defunto já com mais de três semanas! Vamos ver nas urnas de 2014 como o povo de Pernambuco julga o seu mandato e sua aliança com o antigo arqui-inimigo, o presidente nacional do PSB e governador de seu Estado, Eduardo Campos.

Que direito o senador tem de julgar o que aconteceu antes da investigação da PF terminar? Quem colocou a carapuça desde a 1ª hora do surgimento do boato do falso fim do programa Bolsa Família três semanas atrás foi a oposição. Propalaram o boato e contribuíram para a sua máxima divulgação e duração.

Fora o fato de que o senador Jarbas Vasconcelos e toda a oposição são contra o programa que há anos atacam e criticam. Fazem-no sempre a cada campanha eleitoral nacional. Ameaçam extinguir o programa para depois passar o resto da campanha dizendo que não disseram isto. Sempre se opuseram.

O que aconteceu, a corrida ao banco (Caixa Econômica Federal e  lotéricas, agentes pagadores do benefício), só comprova a importância do programa e o erro grosseiro da oposição de não apoiá-lo e de acusar o governo de uso eleitoral.  A oposição, por sinal, usou e abusou, por exemplo, do Plano Real para ganhar eleição em 1994 e 1998 e o usa até hoje. Pura hipocrisia, choro de perdedor, portanto, esse discurso do senador Jarbas...

(Foto: José Cruz/ABr)

1 comentários:

Rafael Mendes disse...

Oleo de Peroba para o Senador cara de pau

Postar um comentário